Processando informações...
Opinião |
22/08/2017
Processo de reformas não pode parar, diz Zildo De Marchi

Após três anos de recessão que resultou em um contingente de quase 14 milhões de desempregados, a atividade econômica brasileira vem apresentando os primeiros sinais de recuperação. Isto ocorre num ambiente pautado pela adequada condução do Ministério da Fazenda e do Banco Central, que trouxe a queda da inflação e da taxa de juros (Selic), o que favorece o redirecionamento de aplicações da área financeira para empreendimentos produtivos. Há igualmente números positivos na oferta de novos postos de trabalho, embora ainda em pequena escala e melhorias de indicadores sobre intenção de consumo das famílias, entre outros.

Para que este processo virtuoso não sofra interrupção, no entanto, segundo alerta o presidente do Sindiatacadistas, Zildo De Marchi, é indispensável que tenham continuidade as medidas de ajuste das contas públicas, através da reforma da Previdência e da série de iniciativas que visam o corte das despesas do governo nas áreas de pessoal e custeio que acabam de ser anunciadas pelo governo juntamente com a revisão da meta fiscal de déficit primário de R$ 159 bilhões em 2017 e 2018.

Destaca o dirigente que neste sentido cresce a responsabilidade dos congressistas na votação de tais medidas, priorizando de forma efetiva o interesse do País e não as eleições de 2018. A disputa política não pode estar acima do bem estar da coletividade, alerta Zildo De Marchi, enfatizando que também compete às entidades de classe e aos eleitores acompanhar de perto este processo durante a tramitação dos projetos na Câmara e no Senado.

0 COMENTÁRIO

Para poder comentar nesta notícia é necessário estar logado.

Para se logar clique aqui

Caso não tenha cadastro clique aqui para criar um usuário
Cursos e Palestras
Agenda
Arquivo de Notícias
Sindicato do Comércio Atacadista de Porto Alegre e do Estado do Rio Grande do Sul
Av. Julio de Castilhos, 440/15º andar - cep 90030-130 - Porto Alegre/RS
Fone/fax: (51) 3214.7400 - sac@sindiatacadistas.com.br